05 Mar16:37

Trios elétricos cumprem limite de decibéis permitido durante o Carnaval

Todos os trios que desfilaram nos circuitos oficiais do Carnaval de Salvador até aqui cumpriram o limite de decibéis permitido, de acordo com a Secretaria Municipal de Ordem Pública (Semop). As fiscalizações que combatem a poluição sonora começaram na quinta-feira (28). No Circuito Dodô (Barra-Ondina), foram monitorados 111 trios elétricos. No Circuito Osmar foram 77.

Segundo a subcoordenadora de Combate à Poluição Sonora da Semop, Márcia Cardim, além dos trios elétricos os agentes fiscalizam camarotes, palcos e estabelecimentos próximos aos circuitos. A ação é feita por 68 equipes, que utilizam um aparelho conhecido como "decibelímetro".

“Eles fazem monitoramento dos trios e licenciamentos de todos os estabelecimentos comerciais que realizam atividade sonora dentro do perímetro do circuito. Verificam ainda se os camarotes estão licenciados e com as caixas de som voltadas para área interna do espaço”, explica.

O limite máximo para trio elétrico é de 110 decibéis, a verificação é feita a cinco metros do veículo e a um metro e meio do chão. Os trios infantis não podem emitir mais do que 80 decibéis. Já camarotes e palcos não podem ultrapassar 100 decibéis e, em estabelecimentos, o máximo são 80 decibéis.

“Nos trios, a gente faz monitoramento na saída, para deixar dentro dos níveis permitidos por lei. Depois, temos outra equipe no circuito comprovando os índices que a gente deixou no início. Se do meio para o final não obedecer, é autuado”, detalha.

Ainda de acordo com Márcia Cardim, quatro estabelecimentos do Circuito Dodô descumpriram o limite e foram notificados. Um deles foi autuado. No Circuito Osmar, foram emitidas duas notificações. As ações da Semop seguem até hoje na folia.