04 Mar19:59

Trio Mulher simboliza proposta da Prefeitura de valorizar artistas locais

Um dos trios independentes que mais atraíram público e corações neste Carnaval foi puxado pelas estrelas baianas Carla Cristina, Ana Mametto e Vânia Abreu. Com apoio da Prefeitura, que visa valorizar os artistas locais, o projeto Trio Mulher, como foi batizado, desfilou ontem (03) no Circuito Osmar (Campo Grande) e tem tudo para voltar na folia do ano que vem.

A cantora Carla Cristina disse que o projeto surgiu a partir de um bate papo sobre a importância da união dos artistas da Bahia. “Quando Jonga Cunha - um dos principais nomes do Axé Music - fez o convite a nós três, topamos imediatamente”, contou a artista, conhecida em todo o Brasil pela banda As Meninas, onde ficou de 1997 até 2002.

“Essa é uma grande sacada da Prefeitura. Espero que a cada ano mais artistas baianos sejam valorizados, principalmente aqueles que fizeram história e marcaram gerações”, acrescentou Carla, defendendo o patrocínio para que os artistas desfilem sem cordas.

Mistura - No repertório do trio, grandes clássicos da Axé Music e a MPB na voz doce de Vânia Abreu. Outra atração do trio, Ana Mametto elogiou essa mistura. "Nosso objetivo é proporcionar diversão para as famílias, pois a rua precisa disso", afirmou a artista indicada ao prêmio Braskem de Teatro em 2018, na categoria atriz revelação pela atuação no espetáculo “De um tudo”.

A artista ressaltou a importância da presença feminina no comando dos trios. “Estamos conseguindo espaço e precisamos aproveitar os holofotes para poder nos afirmar ainda mais. E temos que fazer isso de uma forma doce, com leveza, sem agressividade, tirar um pouco desse negócio do homem estar acima da mulher. Temos muito tabu para quebrar”.

Tríade - A terceira baiana do trio é a cantora Vânia Abreu, com 8 discos gravados, produziu também o CD do sambista Riachão, "Mundão de ouro", indicado ao Prêmio da Música Brasileira 2013. Recentemente, inaugurou sua carreira como escritora com a publicação de um livro infantojuvenil.