Prefeitura de Salvador
PROGRAMAÇÃO
patrocinador
oficial
06 Feb16:50

Sexta-feira tem presença recorde de público no Carnaval

Balanço da folia revela público histórico nos circuitos da festa e prefeito anuncia retomada das blitz de alcoolemia 

Uma sexta-feira com público recorde no Carnaval quando comparado a anos anteriores. Somente em número de passageiros de ônibus transportado, o salto foi de 991 mil em 2015 para quase 1,2 milhão este ano. Os dados foram destacados durante reunião de avaliação comandada pelo prefeito ACM Neto na manhã de hoje (06), na Sala de Imprensa Oficial do Carnaval. "Batemos todos os recordes de público para uma sexta-feira da história do Carnaval. Tivemos um incremento de 10% no número de foliões. E vemos um grande número de turistas nas ruas, e os hotéis da cidade estão lotados", comemorou o prefeito ACM Neto. 

Os números dizem tudo. Em 2015, 2.534 pessoas utilizaram na sexta-feira o Expresso Carnaval para chegar aos circuitos da festa. Ontem, foram 7.440. O Expresso Carnaval, sob a responsabilidade da Secretaria de Mobilidade (Semob) e da Superintendência de Trânsito (Transalvador), é o sistema de ônibus que sai a cada 15 minutos dos shoppings Salvador e Salvador Norte e da Arena Fonte Nova em direção à folia. Usufruindo de toda comodidade e segurança, os usuários podem deixar seus carros estacionados nos centros comerciais e terão incluído no serviço o valor do estacionamento no shopping. No caso da arena, há uma taxa de R$10 por pessoa que usar os ônibus.

O número de pessoas que optaram por chegar e sair dos circuitos de táxi saltou de 16.566 para 30.720. O Elevador Lacerda, que opera gratuitamente no Carnaval, transportou 31.412 passageiros este ano, contra 22.100 em 2015. "Estamos notando esse ano também que a quantidade de público presente nos circuitos tem tido um equilíbrio maior. Isso demonstra que as medidas que tomamos para fortalecer o Carnaval no Centro estão dando certo", salientou o prefeito.

Blitz - O prefeito também determinou, na reunião com os secretários, a retomada imediata das blitz de alcoolemia, com o fim do movimento de paralisação que atingiu parte dos funcionários da Transalvador. "Não vamos tolerar isso de beber e dirigir. Seremos rigorosos nas blitz", disse. A Transalvador possui duas equipes para para fazer as operações, que vão atuar no entorno dos circuitos e dos carnavais nos bairros.

Confira outros dados do balanço da sexta de Carnaval:

Mobilidade 

1.195.000 pessoas transportadas

Transporte coletivo comum: 1.056.714

Complementar: 60 mil

Expresso Carnaval: 7.440

Táxi (carros):  7.200

Taxis (passageiros): 30.720 

Abordagens de taxis: 689

Taxistas autuados: 12

Travessia Plataforma-Ribeira: 785

Elevador Lacerda: 31.412

Plano Liberdade/Calçada: 6.488

Plano Gonçalves: 1.152

Plano Pilar: 483 

Ordem Pública  

8.061 apreensões de equipamentos irregulares, utilizados por comerciantes informais desde o início da festa, como carrinhos de supermercado (64); carros prancha (14); carros de mão (25); bebidas acondicionadas em recipientes de vidro (97 litros); 6.694 unidades de bebidas em lata; e 161 litros da bebida artesanal alucinógena e ilícita conhecida como "Príncipe Maluco”. 

Sucom 

Apreensão de 123.078 unidades de bebidas e de 6 bens

1.153 vistorias

10 autos de infração

1 embargo de obra

2 interdições

72 monitoramentos sonoros de trios elétricos

117 notificações 

Guarda Municipal 

91 atendimentos (31,9% a mais de em relação a 2015)

2 ocorrências - uma por desacato e outra de agressão física (diminuição de aproximadamente 71,4% a 2015)

1007 objetos com potencial de arma branca apreendidos desde o início do Carnaval em ações junto com a Semop (74 facas, 28 facões e 851 espetos de churrasco nos circuitos).  

Iluminação Pública 

53 ocorrências, sendo 47 no Circuito Osmar (Campo Grande/ Centro) e 6 no Circuito Dodó (Barra/ Ondina). Todas as solicitações são referentes à manutenção (troca de refletores/ substituição de lâmpadas).

© 2017, Prefeitura de Salvador.