02 Mar16:25

Salvamar realiza 18 resgates em dois dias de Carnaval

Nos dois primeiros dias de Carnaval, a Coordenadoria de Salvamento Marítimo de Salvador (Salvamar) realizou 18 resgates de pré-afogamento nas praias localizadas no Circuito Dodô (Barra-Ondina). A maior parte das ocorrências foi registrada na Barra, com 16, enquanto que em Ondina foram apenas dois casos.

Para a segurança dos banhistas que vão curtir o mar durante a folia, a Salvamar montou 40 postos fixos. As estruturas estão dispostas entre o Jardim de Alah e Ipitanga, além das ilhas de Maré e dos Frades (Ponta de Nossa Senhora de Guadalupe), das 8h às 18h. De modo especial, seis postos móveis e dois avançados funcionam 24 horas, sendo três na Barra e outros três em Ondina.

No total, 215 salva-vidas atuam em toda a orla de cobertura da Salvamar. A operação tem também equipamentos como pranchões, coletes salva-vidas, quadriciclo e jet skis.

O chefe de Treinamento da Salvamar, Rui Araújo, explica que os salva-vidas passam anualmente por capacitação entre os meses de abril e setembro para, logo depois, lidarem com a chegada de grandes eventos e maior quantidade de pessoas. "Mas, é claro, eles também fazem atividades diárias, como o uso das academias, ou piscina semiolímpica", afirma.

Araújo orienta os foliões que forem curtir o Carnaval próximo ao mar para ficarem bastante atentos. "O uso de bebida alcoólica não combina com nenhuma atividade física, incluindo o banho. Então, evite entrar no mar fazendo uso de bebida", sugere. Ele completa afirmando que o folião deve sempre procurar um local que tenha próximo um posto salva-vidas.

"Procure sempre por pelo salva-vidas e evite regiões onde há valas e locais com pedras. Isso porque é comum as pessoas quererem se aventurar nesses lugares, e acabam escorregando e se machucando", conclui.