Prefeitura de Salvador
PROGRAMAÇÃO
patrocinador
oficial
25 Feb20:59

Prefeitura já apreendeu mais de 9 mil materiais ilícitos nos circuitos da folia

A Secretaria Municipal de Ordem Pública (Semop) já recolheu 9.347 unidades de material irregular nos três primeiros dias de Carnaval. Só na sexta-feira (25), foram 4.590 unidades. A maior parte do material, 4.034 unidades, é de bebidas de marcas não autorizadas no circuito, além de 101 garrafas de vidro. Dentre os demais itens recolhidos pelos agentes estão carrinhos de bebê transformados em porta mercadorias, carrinhos de mercado, carros de mão, isopores, espetos de madeira, bancos, mesas e outros objetos que podem causar acidentes com os foliões.

O órgão mantém equipes atuando durante 24 horas para o ordenamento do comércio de vendedores ambulantes espalhados ao longo dos três circuitos do Carnaval de Salvador, garantindo também o cumprimento do contrato firmado com o patrocinador. Essas operações seguem firmes até a Quarta de Cinzas (1º). Conforme o diretor de Operações da Semop, Adriano Silveira, o maior número de infrações é de ambulantes não credenciados ou daqueles que se posicionam em locais inadequados, obstruindo as vias públicas. Nesses casos, os fiscais relocam esses trabalhadores para o local permitido.

No caso de encontrarem produtos não autorizados pela marca patrocinadora, Silveira explica: “lacramos e apreendemos o material, que é levado para a o Setor de Guarda de Bens Apreendidos (Segub), na Avenida San Martin. O valor pago para a retirada depende do que foi recolhido. Essa é uma ação padrão e é diária em todos os circuitos”.

© 2017, Prefeitura de Salvador.