Prefeitura de Salvador
PROGRAMAÇÃO
patrocinador
oficial
23 Feb19:42

Prefeitura deve recolher 1.800 toneladas de resíduos no Carnaval de Salvador

Manter a cidade organizada durante a realização de uma das maiores festas populares do mundo não é tarefa fácil. Para isso, a Empresa de Limpeza Urbana de Salvador (Limpurb) vai contar com o apoio de 3,1 mil colaboradores que vão atuar nas atividades de varrição, coleta, lavagem de vias e logradouros, asseio de instalações, limpeza e manutenção de sanitários públicos em todos os circuitos e nas vias de acesso aos percursos.

Na folia de 2016, o órgão recolheu durante todo o período pouco mais de 1.607 toneladas de resíduos sólidos. Este ano, a expectativa é que sejam coletados 1.800 toneladas de lixo. Já de resíduos recicláveis, no ano anterior foram coletados 130 mil quilos de material. Para este ano, este número deve crescer e atingir 143 mil quilos. De acordo com o comparativo das operações de limpeza realizadas nos carnavais dos anos anteriores, o circuito que reúne mais resíduos é o Dodô (Barra/Ondina).

Também será realizada durante a operação de limpeza no período carnavalesco uma ação de coleta seletiva através de 14 cooperativas de catadores e de uma associação de catadores autônomos. Ao todo serão 625 catadores cooperativados que vão atuar nos circuitos carnavalescos e nos camarotes.

Esquema - Nesta quinta-feira (23), quando os maiores circuitos carnavalescos passam a ter programação mais intensa, a Limpurb acompanha atenta a movimentação nas vias. No circuito Osmar (Campo Grande), serão 139 agentes atuando com coleta, lavagem e operações especiais. Já no circuito Dodô (Barra) 149 agentes vão estar atuando nas mesmas funções da equipe anterior.

Para a realização dos serviços de limpeza este ano, a equipe da Limpurb contará com 182 equipamentos, dentre caminhões compactadores, carretas-pipa, caminhões-pipa e caminhões-baú. Além disso, 27 ônibus serão destinados ao transporte das turmas de colaboradores de limpeza.

Durante todo o Carnaval, as equipes de trabalho irão atuar intercaladas nos trajetos principais para que, no intervalo da passagem dos trios, sejam efetuadas varrições e retiradas de lixo. Esses materiais serão confinados em contêineres que vão ficar localizados em vias transversais para agilizar a logística de limpeza.

“Vamos ter uma diferença no esquema de trabalho do ano passado pra este ano. Aumentamos o número de agentes nos acessos e nas saídas das pessoas para que as vias secundárias fiquem limpas mais rapidamente. Também vamos instalar os contêineres para aumentar o confinamento do lixo e a velocidade da coleta”, explicou o presidente da Limpurb, Kaio Moraes.

© 2017, Prefeitura de Salvador.