Prefeitura de Salvador
PROGRAMAÇÃO
patrocinador
oficial
21 Feb22:46

Ministro faz primeiro teste do Fique Sabendo às vésperas do Carnaval

Ricardo Barros visita estruturas montadas pela Prefeitura para atender foliões

As estruturas municipais de saúde disponibilizadas aos foliões que vão curtir o Carnaval de Salvador impressionaram o ministro da Saúde, Ricardo Barros, durante passagem do gestor pela capital baiana para lançamento da campanha nacional de prevenção às DSTs na folia, ocorrido nesta terça-feira (21). O módulo avançado de saúde localizado na Rua Marquês de Caravelas, na Barra e o Multicentro de Saúde Carlos Gomes, no Centro, foram apresentados pelo prefeito ACM Neto e pelo secretário José Antônio Rodrigues Alves.

O prefeito aproveitou para ressaltar novamente a importância deste momento em que há uma mobilização grande na cidade, por conta da folia, para conscientizar as pessoas sobre a necessidade do uso da camisinha e de fazer testes de saúde. “Com o lançamento nacional feito hoje pelo ministro Ricardo Barros, a Prefeitura abraça com muita força a campanha este ano. Serão distribuídos mais de dois milhões de camisinhas nesses dias de festa. Além de tudo isso, há o trabalho com o jovem para que se conscientize de que ele precisa preservar a própria vida”, apontou.

O ministro verificou de perto a satisfação das pessoas e ficou encantado com a grandeza, a complexidade e a qualidade das atividades de saúde oferecidas aos foliões na capital baiana. “A Prefeitura realmente está investindo para assistir a todos os que participam da festa. A estruturas estão muito bem adequadas e preparadas para receber a população com condições de atendimento, inclusive com relação aos postos montados a cada mil metros nos circuitos para atendimento dos foliões”.

Ricardo Barros também salientou a importância do Multicentro, que oferece várias especialidades incluindo a testagem. “As pessoas precisam fazer os testes, saber o que tem e fazer o tratamento, que é gratuito e de alta qualidade”, complementou. Ele aproveitou a ocasião e fez o teste rápido para HIV, com resultado negativo.

O secretário Rodrigues Alves salientou que as equipes já estão a postos e as estruturas prontas para a festa. “A atuação começou já no final de semana com o Fuzuê e Furdunço e o movimento está dentro do esperado. Está tudo a postos para que a gente comece a dar segurança ao folião”.

Módulos - Os circuitos do Carnaval contarão com 11 módulos avançados de saúde, com cinco equipes de cirurgiões para atender as demandas neste período. Três dessas equipes atuarão fixas nos módulos da Ladeira da Montanha, Adhemar de Barros e Sabino Silva. As outras duas móveis estarão nas motolâncias para atenderem os chamados em outros módulos. Os cirurgiões vão realizar as cirurgias bucomaxilofaciais (mandíbula, nariz e maçã do rosto) de média complexidade, umas das maiores demandas durante a Folia de Momo.

As unidades de atendimento contarão com um total de 130 leitos aos pacientes, sendo 11 leitos tipo UTI. Estarão ainda de prontidão 56 ambulâncias, oito motolâncias e veículos de suporte avançado do Samu para remoção rápida de casos de urgência para Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) ou hospitais. Outras 14 unidades municipais fixas de Pronto Atendimentos e uma Emergência Odontológica, no Dique do Tororó, funcionarão como retaguarda com assistência 24 horas durante a festa.

A estrutura conta ainda com um quadro de recursos humanos que contempla mais de dez categorias profissionais como médicos, enfermeiros, técnicos de enfermagem, higienizadores, administrativos, gestores de informação, assistência social, auxiliares de enfermagem, recepcionistas, motoristas e cirurgiões. Serão, ao todo, 5.300 plantões durante os dias de folia com mais de 1.400 profissionais envolvidos, sendo 170 médicos. Todas as unidades funcionarão ininterruptamente durante os dias de Carnaval.

Fique Sabendo - Os foliões presentes no Carnaval de Salvador poderão realizar os testes rápidos para detecção dos vírus HIV, sífilis e hepatites B e C nos dois postos do projeto Fique Sabendo instalados pela Prefeitura na Rua Dias D'Ávila, próximo ao Farol da Barra, e no Multicentro Carlos Gomes, no Circuito Osmar. Este ano, a novidade é que os usuários com testagem positiva para sífilis iniciarão o tratamento de imediato no próprio posto instalado nos circuitos da folia.

A estratégia do Fique Sabendo visa incentivar a detecção precoce das doenças sexualmente transmissíveis (DSTs), colaborando para quebrar a cadeia de transmissão no Carnaval. Os serviços serão oferecidos gratuitamente ao público interessado entre os dias 25 e 28 de fevereiro, sempre das 10h às 21h, na Carlos Gomes, e das 10h às 22h, na Barra.

As unidades são compostas por equipes multidisciplinares formadas por enfermeiros, psicólogos, assistentes sociais e bioquímicos, devidamente treinados para aconselhar os pacientes, principalmente, no momento do resultado.

Para incentivar a prática do sexo seguro no Carnaval, a Prefeitura distribuirá cerca de dois milhões preservativos durante a festa. As camisinhas poderão ser retiradas ininterruptamente nos módulos assistenciais deste a abertura do Carnaval até às 6h da Quarta-feira de Cinzas (1º) e nos dois postos do Fique Sabendo, de forma gratuita.

 

© 2017, Prefeitura de Salvador.