Prefeitura de Salvador
PROGRAMAÇÃO
patrocinador
oficial
08 Feb20:09

Esclarecimento da Prefeitura sobre manifestação de ambulantes na Barra

Com relação aos protestos de vendedores ambulantes na tarde de hoje no Farol da Barra, a secretária municipal de ordem pública, Rosemma Maluf, afirmou que as normas para exercer as atividades de comércio no Carnaval foram estabelecidas bem antes da festa, principalmente no que se diz respeito à exclusividade das marcas.

“Essa modalidade não é adotada pela primeira vez na festa. Acontece desde 2014. O Carnaval foi patrocinado e houve a exigência de venda exclusiva. Por isso, a manifestação foi só de um pequeno grupo de ambulantes, provavelmente de outras cidades. São vendedores de oportunidade, aqueles que trabalham ocasionalmente e que não são ambulantes profissionais”, explicou a gestora.

Ela afirmou que esse pequeno grupo não vai desestabilizar um trabalho de ordenamento que já foi feito com bastante antecedência e diálogo com os ambulantes. "Adotamos esse mesmo modelo não só no Carnaval, mas como em outras festas, como o Réveillon. Os ambulantes que de fato fazem um trabalho sem politicagem sabem disso e são parceiros da Prefeitura nesse ordenamento. Então essa manifestação foi um fato pontual de um grupo de manifestantes que querem tumultuar um Carnaval", ressaltou a secretária.

Rosemma Maluf disse ainda que repudia a violência e que o procedimento da Semop é o "conflito zero". "O nosso trabalho não é ir para o embate, nem para o confronto. Não aceito nenhum tipo de manifestação agressiva e violenta. A Guarda Municipal atua juntamente com os agentes de fiscalização com o intuito de proteger nosso trabalho e a nossa equipe, mas não há orientação minha como gestora da pasta que haja violência. Os ambulantes são muito respeitados na gestão de ACM Neto. Nós trabalhamos em parceria’, finalizou.

© 2017, Prefeitura de Salvador.