07 Feb17:49

Carnaval de Salvador acontece normalmente mesmo com obras

Três obras de requalificação realizadas pela administração municipal em circuitos da folia em Salvador – Ondina, Avenida Sete e Curuzu – e o surgimento do coronavírus, que não tem casos confirmados no Brasil, não devem atrapalhar o andamento da maior festa popular de rua do planeta, que traz “O Carnaval dos Carnavais” como tema de 2020. A afirmação foi feita pelo prefeito ACM Neto à imprensa, durante coletiva de apresentação dos serviços municipais e atrações da festa, ocorrida nesta quinta-feira (6) no Wish Hotel da Bahia, no Campo Grande.

A intervenção em Ondina, no Circuito Dodô (que começa na Barra), estará pronta antes da folia e será inaugurada no próximo dia 18. Sobre as obras na Avenida Sete, onde está localizado o Circuito Osmar, a primeira etapa estará concluída também no dia 18. “Não vamos fazer inauguração, vamos liberar apenas a passagem da Avenida Sete e, na quinta após a Quarta-feira de Cinzas, será retomada a obra. Mas a avenida estará em pleno uso para o Carnaval”, afirmou o prefeito.

A outra obra em andamento, a Rua Nova do Curuzu, onde está situado o Circuito Mãe Hilda Jiltolu, estará liberada até a entrada da Senzala do Barro Preto, permitindo assim a tradicional saída do bloco Ilê Aiyê do bairro. “Aí a obra para, depois do Carnaval será retomada e, assim como a Avenida Sete, será inaugurada em maio”, completou ACM Neto.

Sem ameaça

Sobre o coronavírus, o prefeito ressaltou que os foliões poderão ficar despreocupados e curtir o Carnaval sem grandes riscos. Isso porque a Secretaria Municipal da Saúde (SMS) está mobilizada com todas as autoridades de saúde da Bahia e do Brasil, garantindo o trabalho de prevenção à chegada do coronavírus. Outro motivo é que, até o momento, não há qualquer caso confirmado da doença no Brasil. “Tenho certeza que esse não deve ser um motivo de preocupação nem pro folião baiano e nem para o turista que vai vir para cá. A gente espera fazer essa grande festa sem problemas”, pontuou.