Prefeitura de Salvador
PROGRAMAÇÃO
patrocinador
oficial
28 Feb15:16

Beco das Cores Trident é marcado por tranquilidade e atrações de renome

Espaço promovido pela Prefeitura funciona até esta terça-feira (28), no na Rua Dias D’Ávila, na Barra (Circuito Dodô)

O público LGBT tem ocupado cada vez mais espaço no Carnaval de Salvador. Esse é o segundo ano que o segmento conta com o Beco das Cores, local temático com atrações especiais compostas por muita música eletrônica. As apresentações acontecem sempre a partir das 19h na Rua Dias D’Ávila, também conhecido como Beco da Off, com patrocínio da Trident. Nesta terça-feira (28), a programação no local será encerrada tendo como uma das atrações o cantor Liniker, cujo show foi transferido para a meia-noite de hoje.

 

O espaço foi pensado pela Prefeitura, por meio da Empresa Salvador Turismo (Saltur) para unir a diversidade, marcando o caráter democrático do Carnaval de Salvador. Lá, os DJs reproduzem sucessos da música eletrônica nos intervalos dos blocos. Além disso, atrações de renome e que estão na lista de preferências do público LGBT também se apresentam no local. Além de Liniker, outro destaque é a rapper Karol Conká, que levou a plateia ao delírio na última sexta-feira (24), tendo como carro-chefe o sucesso “Tombei”.

 

Tranquilidade – Segundo o presidente do Grupo Gay da Bahia, Marcelo Cerqueira, os gays têm encontrado um carnaval mais tranquilo. Até o momento, Cerqueira diz não ter recebido denúncias e também não soube da existência de ocorrências. “Em geral, os foliões estão acostumados com a nossa presença, e em consequência disso, os gays estão cada vez mais presentes no carnaval e sem medo de exibir a sua opção sexual”, afirma.

 

Para ele, a existência de um Centro LGBT no Observatório da Secretaria Municipal de Reparação tem ajudado a reduzir o número de casos. “Agora as pessoas sabem que estão sendo observadas e o público, que tem com quem contar”, opina. Mesmo diante da tranquilidade, Cerqueira recomenda que gays, lésbicas, bissexuais e travestis evitem usar acessórios caros na folia. Caso sejam vítimas de algum tipo de agressão, registrem a queixa na delegacia mais próxima e, em seguida, façam a denúncia ao Grupo Gay.?

© 2017, Prefeitura de Salvador.