Prefeitura de Salvador
PROGRAMAÇÃO
patrocinador
oficial
07 Feb17:43

Banda da Guarda Municipal movimenta ruas do Centro Histórico até terça

Com quase oito anos de atividade, a banda da Guarda Municipal de Salvador (GMS) desfilou ontem (6) pelas ruas do Centro Histórico alegrando a tarde de turistas e baianos que apreciam o Carnaval no modelo mais antigo. Este é o terceiro ano em que a banda, que conta com 19 integrantes, se apresenta nos circuitos carnavalescos. O grupo tem programação na folia até a próxima terça-feira (9), sempre às 16h, no Circuito Batatinha.

De acordo com o maestro da banda, Hamilton Fernando, o repertório do grupo é preparado e adaptado para manter as tradições da folia, mas sem perder a contemporaneidade. "Tocamos desde frevo a axé, porque não podemos perder as origens, mas no nosso repertório também temos músicas atuais, como o 'Show das poderosas', da Anitta, e agora o 'Paredão da metralhadora', da Vingadora. A gente mescla pagode com as marchinhas e as pessoas adoram", destacou.

Além de encantar o público pelas ruas que passou pela alegria contagiante dos integrantes, a banda contou este ano com um convidado muito especial. O Júlio César, de 4 anos, é filho do guarda Marcio Maciel, guitarrista. Segundo Isa Sara, esposa do músico, é uma festa poder estar próxima do esposo e incentivar o filho a gostar de música e de Carnaval. "Venho todos os anos acompanhar o Marcio. Este ano trazer o Júlio para tocar pandeiro durante o desfile foi maravilhoso. O instrumento que ele mais gosta é o trompete, mas, para ele, fazer parte de toda essa movimentação já é uma festa".

O desfile dos músicos conta com uma seleção de marchinhas e frevos de edições passadas, como "Cabeleira do Zezé" e o eterno sucesso "We are Carnaval". Para o turista de Brasilia Henrique Luciano, que acompanhou atentamente ao desfile dos músicos ontem, são de atrações como essas que o Carnaval precisa. "Para mim os trios elétricos não tem graça. Essa é a primeira vez que venho para o carnaval do Centro Histórico e estou encantado. Volto para minha cidade na segunda, mas não ficaremos com saudade porque a gente com certeza vai voltar", disse.

Com o sucesso das edições anteriores os músicos também têm feito participação em outros eventos e campanhas com fins educativos e instituições de ensino durante o ano. “A banda veio para estreitar as relações da Guarda com a população, através de ações sociais, e que quebrem aquele paradigma de que a corporação só possui a segurança patrimonial entre suas atividades”, frisou Hamilton Fernando.  

© 2017, Prefeitura de Salvador.